15.04.2014 Lu Ferreira

Look da Lu: P & B & brilho

Em: Blog Chata de Galocha, Jabá, Look da Lu

Já falei da AREMO pra vocês aqui algumas vezes, lembram? A marca de fast fashion online que lança coleções novas praticamente toda semana! Nos últimos dias eles divulgaram uma novidade: a AREMO agora é AMARO! O nome mudou, mas os produtos continuam com a mesma proposta de sempre: peças lindas por preços legais.

No look de hoje tem 3 peças que eu amei e considero super coringas: saia peplum de couro fake, top crepe bordados e jaqueta tweed com um toque de brilho! São básicos legais, que podem ajudar a fazer o look com uma peça mais simples (tipo um jeans ou uma calça preta) ou então formarem juntas um look mais poderoso. Eu preferi a segunda opção, heheh! Preciso falar de uma coisa bem legal dessa saia: ela é mais compridinha atrás! Saia de babado é um pouco complicado de usar, curtinha então… Adorei a sacada do designer que pensou no nosso conforto!
amaro5
amaro2
amaro3
amaro1
LE2_4969

Tô usando:

Saia AMARO
Blusa AMARO
Jaqueta AMARO
Colar Maxi AMARO
Sandália Schutz
Bolsa 3.1 Phillip Lim
Batom Flat Out Fabulous (MAC)

Posts Relacionados:

07.04.2014 Júlia Ferreira

Links da semana: viagens, tamanhos e beleza

Em: Blog Chata de Galocha, Links da Semana, Site Bacana

De tempos em tempos, a vontade de largar tudo e viajar por aí aparece, e invariavelmente ela só some quando esse desejo é realizado. Mas como nem tudo é perfeito, uma das melhores formas de se viajar é procurar por roteiros mais em conta, mas igualmente deliciosos. Essa semana dois links fizeram parte da minha leitura, e falavam justamente sobre isso: Como viajar sem ter tanta grana para gastar! Vem ver comigo?

L1
1. Acredite, você é mais bonita do que acha
L2
2. Para enfeitar: paredes de chita
L3
3. Fofura do dia: um cachorro e alguns pintinhos
L4
4. Quer viajar mas não tem grana? Vem ver os 10 países mais baratos para se mochilar
L5
5. Receitinha do dia: mini bolinho de banana
L6
6. Profissão: blogueira?
L7
7. Caro adolescente
L8
8. Os 12 mandamentos da viagem barata
L9
9. Nadia Aboulhosn: sendo linda em qualquer tamanho
L10
10. Quem manda no seu estilo?

Posts Relacionados:

05.04.2014 Lu Ferreira

Restaurant Week FAIL: Gomide

Em: BH, Blog Chata de Galocha, Comida, Restaurantes

Na última sexta marquei com uma das minhas melhores amigas de sair pra jantar. Ela passou o último ano morando fora e havia tempos que não nos encontrávamos para bater papo, conversar sem pressa, sabem como? Encontro marcado, hora de decidir o local. Ela me contou que o Restaurant Week ainda estava rolando (foi estendido por uma semana) e sugeriu de irmos a algum dos restaurantes participantes, que era para eu escolher. Dando uma olhada na lista vi que o Gomide, restaurante lindo e que adoro, estava participando, liguei para reservar e pronto, estava decidido. Eu só deveria ter me atentado a um detalhe quando liguei e o atendente me perguntou: “É Gomide ou Restaurant Week?”
gomidefail2
Chegamos cedo, ela estava com medo do trânsito, o restaurante estava vazio quando entramos e avisei à hostess: “Reserva para duas pessoas, Luísa Ferreira“. De novo o questionamento: “É Gomide ou Restaurant Week?”… Minha vontade era responder que era o Restaurant Week no Gomide, mas falei só “Week” e ela foi nos encaminhar para a nossa mesa. Saímos do salão lindo do restaurante, com cada lugar na mesa posta com duas taças grandes e guardanapos dobrados arquitetonicamente, passamos pela varanda agradável e quando percebi, estava fora do Gomide. Ela então entrou por uma portinha na lateral do lugar e enquanto a seguia não consegui esconder o meu estranhamento. Subimos escadas e eu tive que perguntar: “Mas aqui também é Gomide? Já vim aqui várias vezes e nunca soube desse segundo andar”. A resposta: “o Week é no Gomide Duplex, esse anexo”.

Hummm. Realmente, “Gomide Duplex” é o que está escrito no guia do evento. Porém o endereço é o mesmo do restaurante que eu costumo frequentar e logo imaginei se tratar de uma reformulação no nome, não imaginava com o que iria me deparar. Chegamos e o andar era mais escuro e simples que o primeiro, com mesas dispostas com uma taça pequena e um guardanapo murcho em cima dos pratos. Escolhemos uma mesa na varanda e um belo prendedor de rede enfeitava o ambiente. Ao olhar para o meu guardanapo ele estava sujo, pedi para trocar. Fui estender o novo e ele estava furado.
gomidefailO prato e os talheres também não me pareciam com os que costumo usar quando janto no Gomide. Quando a entrada chegou o meu prato estava nojento, com marcas na lateral, parecia que não haviam limpado direito. Apesar de meio congelado o carpaccio estava delicioso, assim como o prato que pedi como principal, filet au poivre com batatinhas sauté.
gomidefail3
Só que eu morri de vergonha de ter levado minha amiga para esse lugar. Achei absurdo ver que um restaurante tão bom, tão bonito, tão famoso, ignora o conceito básico do evento e decide esconder nos fundos quem escolhe um menu com preço mais em conta do que o cardápio normal. O Restaurant Week deveria ser uma oportunidade para pessoas conhecerem lugares novos, eu mesma conheci vários restaurantes durante o evento e depois voltei como cliente em noite regular. Achei um super desrespeito ao cliente essa participação do restaurante, se é para atender mal, usar guardanapos velhos e taças de segunda, pra quê participar?? Porque não foi só a Chata aqui que estava incomodada com o local. Vi várias mesas reclamando ao chegar, questionando as mesmas coisas que eu questionei. O Gomide é um restaurante caro, lindo, desses que a gente vai em ocasiões especiais, como era o caso. O fato de terem inventado um nome diferente (acrescentaram o tal ‘Duplex’) não prepara o cliente para o que ele vai receber ao pagar a conta, você espera um lugar ótimo, mas acaba levando um restaurante meia boca. A parte boa é que a amizade garantiu uma noite gostosa mesmo com a decepção do local. Rimos muito do absurdo, mas não tenho como achar normal um restaurante fazer isso, né?

Depois dessa o Gomide (tanto faz ser o tal ‘Duplex’ ou o regular) perdeu uma cliente. Uma cliente Chata, com certeza (peço que poupem a caixa de comentários com comentários assim, o nome do blog é auto explicativo), mas não dá pra voltar num lugar que classifica seus clientes ao participar de um evento que visa a popularização de restaurantes. Melhor não participar da próxima vez. 

Alguém foi a algum restaurante do festival? Como foi a experiência?

Posts Relacionados:

17.03.2014 Lu Ferreira

Receita de fettuccine com frango e aspargos – O Chef e a Chata

Em: Blog Chata de Galocha, O Chef e a Chata, Receitinha, Video

O_Chef_&_A_Chata_stills_0016
A receita de hoje é uma das minhas favoritas dessa temporada, porque é a que me proporcionou aprender mais coisas até agora: a maneira como Gui cozinha o frango para desfiar mudou a rotina daqui de casa, fica mil vezes mais gostoso desse jeito!! O tempero fica perfeito e o frango fica super suculento, vocês têm que experimentar! E o prato final é super saboroso, cremoso, perfeito para almoços em família. Clica pra ver:

Para o frango cozido e desfiado:

1 kg de peito de frango com osso e pele
4 dentes de alho
sal a gosto
200 ml de vinho branco

Faça uma pastinha amassando o alho com um pouco de sal, e a esparrame por debaixo da pele do frango, temperando bem a carne. Numa assadeira pequena disponha os frangos e coloque o vinho branco. Se quiser coloque também uma cebola sem a casca cortada em 4. Cubra com papel alumínio e leve ao forno por 1 hora. Deixe esfriar um pouco, retire a pele e desfie. Prove o sabor do frango já desfiado, se precisar adicione um pouco mais de sal e regue com um pouco do caldo que ficou na assadeira pra manter o frango úmido. Mesmo que eu não vá usar todo o frango, eu o guardo pra fazer outra coisa, costumo já aproveitar pra assar ao menos 1kg de uma vez, algumas vezes até deixo congelado pra quando estiver em um dia com pouco tempo pra cozinhar.

O_Chef_&_A_Chata_stills_0019
Para a receita do dia:

250 g de macarrão (sugestão: fettuccine!)
300 g de frango cozido e desfiado
1 maço de aspargos frescos (ou 1 vidro de aspargos em conserva)
240 g (1 xícara) de creme de leite
250 g (1 copo) de requeijão cremoso
1 cebola
2 colheres (sopa) de manteiga
sal a gosto
noz moscada a gosto
cebolinha verde a gosto
150 g (2 xícaras) de queijo parmesão ralado

Descasque a cebola e corte-a em rodelas. Prepare os aspargos: Corte a parte esbranquiçada e dura (geralmente uns 2 a 3 dedos) e descarte-a. Separe a parte da “flor” (gosto de usar pra decoração). O resto pique em rodelas. Pique a cebolinha bem pequena também. Refogue a cebola na manteiga até ela ficar transparente e macia. Junte os aspargos e refogue rapidamente. Bata isso com um mixer ou liquidificador, juntando o creme de leite e o requeijão. Volte para a panela e tempere com sal e noz moscada a gosto. Fica um líquido levemente esverdeado. Se for usar o aspargos em conserva bata diretamente no liquidificador, não é necessário nenhum preparo e nem refogar. Reserve esse molho.
Cozinhe o macarrão na METADE do tempo indicado no pacote. Isso é importante porque ele vai terminar de cozinhar no forno. Faça a montagem em um pirex: molho, massa, frango desfiado, cebolinha picada, queijo ralado. Faça duas ou três camadas e termine com bastante queijo e as “flores” do aspargos enfeitando. Se estiver fazendo com antecedência, pare por aqui. Cubra com filme plástico e mantenha na geladeira. Na hora de assar não precisa cobrir com nada, deixe gratinar. São cerca de 15 a 20 minutos em forno alto. Não passe disso pra massa não ficar muito cozida! Basta o molho ferver um pouco e o queijo dourar. Abra um vinho tinto e voilà, uma excelente refeição. Rende 2 a 3 porções.
PS.: Fica bom deixando alguns pedaços dos aspargos inteiros também.

instagram

Quem quiser receber as novidades do programa em primeira mão é só se inscrever no canal do Youtube! Ah! E se você fizer a receita, posta uma foto no Instagram e não esquece de marcar com a tag #ochefeachata pra gente ver! Aqui em cima as fotos de quem se arriscou a fazer nosso brigadeiro de Kit Kat, receita da última semana ;D

Posts Relacionados: