Links da Semana, Site Bacana

Links da semana: sobre autoestima

Vivemos em um mundo que nos ensina desde muito cedo a não acreditarmos em nós mesmos. Que nos lembra diariamente que é preciso melhorar em vários aspectos, se adequar a padrões e não explorar sua individualidade. Que bonita seria se conseguíssemos lidar com as diferenças de cada um, né? Vem ver o que encontrei essa semana por aí!

l1
7 brechós online para garimpar vintage

l2
O que aprendi sobre autoestima e por que toda garota tem algo incrível para mostrar pro mundo

l3
A volta do strass

l4
Há males que vem para o bem

l5
Cntrl C + Cntrl V

l6
2016 – um ano de términos

l7
Vivendo com menos

Barcelona, Espanha, Europa, Gastronomia, Restaurantes, Viagem

Restaurantes em Barcelona

Nos nossos roteiros de viagem os restaurantes têm muita importância. Não entendo quem não ligue pra onde comer em um lugar novo, pra mim é tipo metade da experiência, hahah! #gulosa
Vim mostrar hoje alguns dos restaurantes que visitamos em Barcelona, pra ajudar quem estiver montando o roteiro para a cidade espanhola:
elnacional
Fomos no El Nacional no primeiro dia, pra almoçar. Ele fica na mesma avenida do nosso hotel, colado na Casa Milá e na Batlló, ou seja, opcão ótima pra esse dia de roteiro obrigatório em Barcelona. O lugar é MARAVILHOSO. Cheio de detalhes, com uma vibe meio anos 30/40 que é muito glamourosa, fiquei apaixonada. São quatro restaurantes e quatro bares, cada um com uma especialidade. Fomos na Braseria, o restaurante de carnes.
Leo pediu Steak Tartare, eu pedi Solomillo de ternera acompanhado de vegetais. Gente, que comida ótima! Carne maciiiia, tempero no ponto, e os tais legumes eram incríveis, pimentões e beringela assados com azeite. A parte ruim? O preço. 25 euros por prato. Por conta dos preços alto muita gente recomenda s´ø passear no El Nacional e comer em outro lugar, mas acho que vale como o almoço/ jantar da viagem, sabe? Achei delicioso e voltaria feliz!

alsur
No dia seguinte acordamos cedo e fomos ao Alsur Café para o café da manhã. O lugar é bonitinho, cheio de ladrilhos hidráulicos e um ar bem despojado. O atendimento é bem rápido, achei excelente. Pedi queijo quente no waffle com avocado e bacon e Leo foi de ovos florentine. OMG saudades!!! Gente, é das coisas mais gostosas que já comi. Adoro avocado na comida, e o waffle estava perfeito, maciiiio! Indico muito pro café da manhã. Meu prato custou €8,50, achei ok.

koku

Eu e Leo somos alucinados por ramen e sempre que estamos viajando tentamos provar pelo menos uma opção (aqui em BH não temos nada parecido, affff). Em Barcelona o lugar que mais apareceu nas minhas pesquisas foi o Koku Kitchen Ramen. O lugar é pequeno e diz que dá fila, mas fomos meio tarde e sentamos logo que entramos. Pedimos o prato da casa e assim… Gostosinho. Ramen é sempre gostoso, mas achei que podia ser muito melhor. O brodo não é tão saboroso quanto costuma ser, sabe? E pelo menos na minha opinião o caldo é uns 80% do prato. Me decepcionei. A sobremesa estava bem melhor, um banoffee. O atendimento foi um dos mais simpáticos, mas só voltaria se estivesse por perto. O ramen sai a €9.

bacoa

Hambúrguer é meu “prato” favorito e por isso sempre pesquiso boas hamburguerias por onde passo. Em Barcelona vi ótimos reviews do Bacoa e fomos na loja que fica em Barceloneta (mas existem várias na cidade). Gente, anotem: melhor hambúrguer da minha vida. E eu como hambúrguer em TODOS os lugares que vou, hein?? No Bacoa você tem o cardápio mas pode customizar seu sanduíche. Eu pedi o Bacoa mesmo, mas troquei o pão comum pelo brioche e acrescentei cebola caramelizada, e olha… Saudades!! Leo pediu um diferentão que vinha com batat rosti no meio (haha) e também amou. Ah, e o ambiente também é uma fofura, todo hipster-fofo. Alguém pode trazer pro Brasil?? Os hambúgueres custam tipo 8/9 euros.

brunchcake

Adorei a comida do Brunch & Cake. Além de linda (sério, os pratos são um acontecimento, cheios de grãos e flores e sei lá mais o quê), é super saborosa e com muitas opções saudáveis, funcionais e diferentes. Pedi a versão de eggs benedict com waffle (acho que waffle é moda em Barcelona) e ele era sem glúten e ainda sim maravilhoso. Leo pediu um bagel com salmão e delirou. Dito isso, preciso contar que o lugar é antipático. Se fosse uma pessoa eu diria que ele se acha, sabe? Não trocam nada no prato e anunciam isso de maneira grosseira no cardápio, um adesivo na porta fala que eles podem recusar sua entrada, os garçons demoram demais pra atender (eles precisam de mais duas pessoas, pelo menos, no salão. Eles não paravam um segundo e não davam conta!) e meu prato veio servido numa pá. Numa pá gente. Na hora lembrei de um tumblr que chama “we want plates”, uma crítica a essas invencionices bestas e pouco funcionais… Minha pá ficava rodando na mesa quando eu tentava cortar meu waffle. Era irritante. E sim sou chata, mas pelo amor, coloca num prato! Bom, chatices à parte, os pratos ficam entre 8/10 euros.

lizarran

Não dá pra falar de Barcelona sem falar de tapas, né? Que tradição deliciosa!! Fomos ao Lizarran na nossa última noite, era colado no hotel. O bar parece ser uma rede, o que geralmente me desanima, mas esse valeu a pena! Atendimento muito simpático, serviço rápido e comida bem gostosa! Você pede as bebidas e pode pegar os tapas frios no balcão ou esperar os quentes, que são trazidos à mesa, tipo rodízio. Você vai juntando os palitinhos e no final conta quantos tem pra pagar. Achei gostoso e simples, voltaria com certeza. Cada tapa fica em média €2, depende do tamanho do palito =)

Se você conhece algum restaurante legal em Barcelona, conta aqui embaixo! Vamos ajudar quem está planejando a viagem a ter férias ainda mais gostosas =D

Links da Semana, Site Bacana

Links da semana: Gilmore Girls

Desde que a reunion de Gilmore Girls foi anunciado metade da internet está em polvorosa esperando os novos episódios irem ao ar nesse mês. Além disso 10 entre 10 fãs da série assistiram novamente aos episódios antigos que entraram no Netflix e ficaram suspirando pela maravilhosidade que a série é, além de relembrar todos os casos amorosos de Rory. Acontece que Amy Sherman, a criadora da série, deu um entrevista falando que não importa com a personagem fica, considerando a complexidade dela e de sua vida. Em tempos de feminismo, fica aí uma questão para a gente pensar, né? Vem ver o que mais encontrei essa semana!

l1
Não importa quem vai ficar com Rory

l2
O velho medo do ridículo

l3
Feminista, sim: igualdade, empatia e respeito

l4
A vida como um míope

l5
Jovens bruxas

l6
A calcinha da Bela Gil

l7
Combinação maravilhosa: verde e rosa

Gastronomia, O Chef e a Chata

Brigadeiro de capuccino – O Chef e a Chata

brigadeiro
Por mais que a gente ame a versão original, uma variação gostosa do brigadeiro é sempre bem vinda, né? Na receita de hoje ensinamos como fazer brigadeiro de capuccino, uma versão com toques de café e canela que fica deliciosa! Vem ver:

Ingredientes

1 lata de leite condensado
1 colher (sopa) de cacau em pó
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de café solúvel
canela para polvilhar

brigadeiro2
Preparo

Coloque numa panela o leite condensado, a manteiga e o café solúvel. Peneire o cacau em pó para não formar pelotinhas no brigadeiro. Misture tudo e leve para cozinhar, em fogo baixo/médio, mexendo o tempo todo, até que desgrude do fundo da panela. Desligue e sirva em pequenas xícaras de café, polvilhando um pouquinho de canela em pó por cima. Rende 4 porções.

brigadeiro3

Quando fizer essa receita, não esqueça de postar no instagram com a #ochefeachata pra gente ver! Aproveite pra se inscrever no canal e assistir aos videos primeiro.