Beleza, Tutorial, Video

Video: make coloridinha!

make1
É raro, mas vez ou outra tem tutorial de make no canal também! Hoje atendi a pedidos que surgiram depois do último video de recebidos – usei uma make que eu adoro, com sombras cintilantes e um toque de cor na linha d’água. Como toda make que eu faço, é bem simples e discreto, pra usar sem medo e fazer rapidinho!

Produtos usados:

Sombra perolada – Sin (Naked 1 – Urban Decay)
Sombras côncavo: Toasted e Hustle (Naked 1 – Urban Decay)
Sombra grafite: Fathoms Deep (MAC)
Lápis azul: Sunrise Blue (NYX)
Máscaras de cílios: Voluminous Miss Manga (L’oreal) + High Lengths (Clinique) + They’re Real (Benefit)
Batom: Pink Me Vitamin C Smoothie (Clinique)

Quem gostou do video não esquece de se inscrever no canal do Youtube, tem video novo toda semana e quem é inscrito assiste primeiro ;D

Compras online, Moda, publieditorial

Animale e A Brand por menos ;D

off1
Vocês já ouviram falar no OFF PREMIUM? O site stá no ar desde março deste ano e é o outlet online oficial das marcas Animale, FARM, A.Brand, FYI e Fábula. As peças de coleções anteriores dessas marcas vão pra lá por valores bem mais em conta, e eles estão com uma promo esses dias por conta do Black Friday que deixa os preços ainda mais convidativos!
off2
A cada dia rola uma promocão diferente nos Black Days, e a de hoje dá 20% de desconto extra nos tops da Animale e partes de baixo da A. Brand. Eu selecionei nas imagens do post algumas das peças que achei mais legais – tem de tudo, de shortinho de moletom a short de couro (morri, é de cintura alta, achei lindo!), passando po saia bordada, com detalhes em renda… Nas partes de cima tem várias camisas bonitas, desde as mais básicas até jeans, que eu adoro e acho super coringa.
CHATA_DE_GALOCHA (1)
Para aproveitar o desconto extra é só usar o código BLACK20 na hora do checkout. Os Black Days trazem uma promoção diferente até o dia 28 – amanhã tem outra! Quem tiver dúvidas na hora da compra pode mandar um e-mail para o atendimento: atendimento@offpremium.com.br que eles ajudam com o que precisar =)

América Central, Jamaica, Viagem

Viagem: Respondendo perguntas sobre a Jamaica

Há alguns dias fiz o último post diarinho sobre minha viagem pra Jamaica e como prometido vim responder todas as dúvidas que surgiram nos comentários! Vamos lá:
jamaica2
-Gostaria de saber o valor da hospedagem do hotel.
Fiquei em dois hoteis da rede Sandals e o preço varia pouco. Existem quartos a partir de 240 dólares (por pessoa/noite – aqui tem os preços e o que tem em cada tipo de quarto). O que fiquei em Negril chama “Crystal Lagoon Honeymoon Beachfront Penthouse One Bedroom Butler Suite” e custa 441 dólares (por pessoa/noite). O resort é all inclusive, ou seja, todas as refeições e bebidas estão incluídas no valor, inclusive bebidas alcóolicas e gorjetas – você só pode (é proibido mesmo) dar gorjetas pro seu mordomo, caso fique em uma suíte com mordomo. O transfer do aeroporto na chegada e na hora de ir embora também está incluído no valor assim como atividades aquáticas (stand up paddle, caiaque, snorkel…). Ou seja: você basicamente só paga isso, só gasta a mais se quiser fazer algum passeio mesmo!

-Qual o valor da moeda deles?
Eu só usei dólar americano por lá! Existe o dólar jamaicano, mas como fiquei em resort e meu único passeio fora foi prum lugar super turístico, nem vi a cara de um dólar jamaicano, heheh!

-Queria saber a língua falada lá. Inglês? E quem não fala suuuper, só “se vira”, dá pra ir tranquilo para lá? 
Inglês! Existe um dialeto local, o patois, que você pode ouvir em algum momento, mas todo mundo fala inglês. Quem se vira pode ir tranquilo, agora quem não fala nada e apela pro portunhol em viagens acho que pode ter alguma dificuldade – não vi nada traduzido pro espanhol por lá. Mas eles são muito simpáticos, têm boa vontade, sabe?

-Queria saber se: próximo aos hotéis tem “centrinhos comerciais”, lojinhas, bares e mais da cultural local e se sim como é a locomoção até eles: taxi, onibus. Fui a Cancun esse ano e Cancun é bem assim, descanso no resort e agito no centrinho e como vou sempre sozinha quero saber se a Jamaica oferece isso também, para eu não me limitar apenas ao que o hotel oferece e para saber também quais os meios de transporte do local e se é perigoso de andar sozinha.
Em Negril eu vi mais isso! Bares, restaurantes, gente andando na rua, sabe? Mas talvez o resort que eu fiquei seja muito ‘de casal’, porque quase todo mundo parecia ficar por lá mesmo durante a noite, e não tem muito agito não, heheh, quer dizer, tem festas, tem shows, mas só tem casal, então… Antes de ir li que não recomendam que turistas andem sozinhos, mas sei lá se isso não é neura de americano, sabe? Claro que temos que tomar cuidado, mas pra gente que mora no Brasil não achei tão distante da nossa realidade, e não me pareceu muito perigoso. Eu saí do hotel usando uma van deles, bookei um passeio só, mas pelo que li o recomendado é alugar um carro (e lembrar que lá é mão inglesa heheh) e não depender dos táxis, considerados pouco seguros.

-Você acha que vale a pena pra uma pessoa que não curte tanto praia?
Não!! Olha, eu não amo praia, não tomo sol nem nada, mas adoro o mar. Me acalma, me relaxa… Se você não gosta e prefere fazer outros tipos de programa, melhor escolher outro destino, o forte aqui é mesmo a praia (é uma ilha!).

-Pelo que entendi nas fotos.. Vcs trocaram de hotel durante a viagem? Sendo hotéis da mesma cadeia, como é essa logística?
Foi! Trocamos pra conhecer outra parte do país, começamos em Negril e terminamos em Montego Bay. O hotel oferece transporte! Tanto pra chegar e ir pro aeroporto quanto pra trocar de hotel, tá tudo incluído. Ah, uma coisa legal é que se você quiser passar o dia em outro Sandals, pode! Eles te dão uma carteirinha do hotel e você pode usufruir de toda a estrutura (restaurantes, praias…) do outro.
jamaica3
-O clima – como é, quente demais ou quente “suportável” (dá para ficar tomando sol sem a sensação de fritar).
Quente suportável numa praia – ou seja: esquentou muito é só correr pra água hahaha! Não pego sol então não sei ponderar sobre isso kkk, mas se voltei sem grandes queimaduras acho que é suportável!

-Vi que alguns restaurantes, no horário do jantar, exigem trajes mais específicos; então será que vc poderia falar sobre isso?
Então, tem isso mesmo! Alguns restaurantes do resort exigem trajes específicos. Fiquei meio assim com isso antes de ir, mas na prática é tranquilo: basicamente os que não exigem traje é porque você pode comer de saída de praia, os que tem um código leve é pra você usar um vestidinho e o marido uma camiseta e os mais rigorosos pedem que o homem esteja de camisa de botão e sapato – mas no dia que eu fui em um assim tinha um cara de chapéu de cowboy lá dentro, kkk! Acho que eles fazem isso pra não virar todo mundo de bikini o tempo todo sabe? Leo foi de camisa de botão e tênis tipo all star e tava ok!

-Gostaria de saber os lugares que você conheceu, como é a cidade, e sobre a música de lá. Se o reggae está em toda parte da Jamaica =)
Estive em Negril e Montego Bay, duas cidades. Negril me pareceu uma cidade do interior da Bahia – tudo bem humilde, casinhas de madeira, gente sentada na varanda o tempo todo, batendo papo sabe? Muitas vendas pequenininhas também. Montego Bay é uma cidade grande, com redes de fast food e etc, mas circulei pouco por lá. E só ouvi reggae! Nos carros, no bar, no aerorporto! É a trilha perfeita para aquela paisagem linda =D

-Sobre atrações. Além do resort, o que tem para fazer na cidade?
Bom, aí vai depender da cidade que você escolher. Negril tem a praia grandona, a 7 mile beach, onde fica o resort. Tem também o Rick’s Cafe, que eu fui, o por do sol é maravilhoso mesmo. Também existe o Blue Garden Hole, o Roaring River Park e a reserva de Rhodes Hall Plantation.
Não fui a Ocho Rios, mas quero voltar pra conhecer! Lá tem uma cachoeira famosa (Dun’s River Falls), uma praia que dizem ser incrível (Frenchman’s Cove) e a Blue Lagoon, uma lagoa que dizem que foi cenário do filme de mesmo nome. Já Montego Bay me pareceu mais boba, mas ainda assim ouvi falar muito bem da Doctor’s Cave, uma das praias. Ah, os passeios de catamaram (existem vários) me pareceram bem legais também!

-Queria saber a respeito dos custos com passagem
Bom, aí tem muitas variáveis né? Eu fiz BH-Panamá, aí na ida tive que dormir na Cidade do Panamá pra ir pra Montego Bay cedinho no dia seguinte. Na volta esperei algumas horas na conexão. Pesquisei o mesmo voo pro ano que vem e achei a partir de R$2 mil por pessoa, mas isso vai depender de onde você tá embarcando e época do ano. Uma coisa interessante é que fica colado em Miami, dependendo do voo dá pra emendar uma passadinha por lá ;D
jamaica1
Muitas perguntas, hein? Mas fiquei feliz que muita gente ficou curiosa com o destino e pude apresentar um lugar novo pra maior parte de vocês =D Minha viagem foi via To Travel Turismo, como sempre, quem quiser fazer algo parecido orça com a Fê, as viagens do blog são sempre com ela. Ah, quem ainda não viu, aqui tem os posts contando da viagem!