Coisas da Lu, Moda, Sapatos

Novas Luizas

Não precisa de muita coisa para fazer eu me apaixonar por sapatos. É a peça que mais gosto de comprar, a que tenho menos dó de gastar dinheiro, sabe? Bom que a gente pode engordar e emagrecer que o pé não cresce, né? Hehehe…

Tenho uma simpatia muito grande pela marca Luiza Barcelos, que é daqui de Minas… Desconfio que começou por ser uma marca que tem o meu nome (e as Luizas/Luísas do mundo sabem que esse não é um nome tão comum!! Na escola só dava Marianas, hahahah…), mas os sapatos são tão incríveis que isso vira só um detalhe fofo =D
A marca tem mania de chamar os sapatos de “Luizas”, e depois que recebi um monte de fotos da coleção nova, resolvi dividir as minhas favoritas com vocês:

Essa espadrille azul é assim, MINHA. Tô apaixonada desde que vi pela primeira vez, e já até fui na loja da marca essa semana pra ver se já não estava rolando um preview de verão, hahahah… Não estava, mas quem acha que saí sem uma sacolinha? Hahahha…
Eu nunca tinha prestado atenção nas bolsas da Luiza Barcelos, mas achei as duas da foto bem simpáticas. A tal moda de bolsa tipo pastinha vai pegar mesmo, né? Acho que compraria a carteira que tem o estilo parecido, mais original do que mais uma bolsa desse tipo, não acham?
Os últimos sapatos, não sei se usaria… Mas achei tão legal esse oxford (posso chamar de oxford?) de tela, você quase não vê que o sapato tá lá, sabe? E na hora que vi a plataforma pensei logo nos vestidinhos leves, de florzinha, que devem aparecer aos montes na próxima estação… Legal para balancear a leveza deles, já que ela é mais pesadona!
A coleção vai ser lançada amanhã, na loja da marca no Diamond Mall. Sei que é vendida em milhões de multimarcas país afora, então quem não é de BH e gostou de alguma coisa, logo logo deve ter pertinho de onde você mora…!

PS: Eu sou Luísa, com S e acento. Há!

Beleza, Chatômetro

Chatômetro: Spectra Lash, Avon


Não lembro qual tinha sido a última vez que havia comprado um produto Avon… Ao longo dos anos, desenvolvi uma super preguiça por compras via catálogo, mas quando esse rímel apareceu disponível para pronta entrega, não resisti. Sou maluca por rímeis!!

E desde que usei esse, não parei mais!! Tenho tipo uns 30 na gaveta (ai, eu sei que é exagero!), mas na última semana, só deu o Spectra Lash!! Uma coisa que incomoda um pouquinho é que às vezes o aplicador vem MEGA encharcado de produto, e aí a gente tem que limpar o excesso antes de aplicar… Mas pelo preço (26 reais normalmente), vale a pena. Os cílios ficam beeeem marcados, curvadinhos, o rímel não escorre ao longo do dia e sai com facilidade com meu demaquilante de todo dia. Gostei bem!! Vale a compra =D

No Cinema, NY

No cinema: Ode à NY!

Aproveitando que estou de viagem marcada para NY e como Lú foi passear por lá recentemente, resolvi escrever o post de hoje sobre filmes que mostram um pouco (ou muito) da Big Apple!

O primeiro nome que me vem à cabeça quando penso em Cinema + NY é Woody Allen. Acho que nenhum diretor até hoje amou e mostrou tanto uma cidade em seus filmes. No cinema de Allen, NY é mais que um cenário ou palco: é um personagem importante! O diretor já fez vários filmes na cidade e dá pra ver uma diferença muito grande entre esses filmes e os filmes que foram realizados em outros países. Alguns escritores e críticos de Cinema até apontam os filmes “Manhattan”, “Annie Hall” e “Memórias” como uma “trilogia de NY” do autor, o auge do amor de Woody Allen pela cidade.

Mas não é só Woody Allen que proporciona cenas ou seqüências inesquecíveis em NY. A cidade já foi usada para rodar sei lá quantos filmes (pelo que entendo, além de toda a questão estética da cidade, os prefeitos sempre facilitam as filmagens lá! Porque, afinal de contas, quer chamariz melhor?). Uma cena que SEMPRE me vem à cabeça é a do Tom Cruise em uma Times Square VAZIA em “Vanilla Sky”! Achei muito impressionante! Outra seqüência que me marcou muito tbm foi a de Arnold Schwarzenegger entrando de cavalo e tudo no hotel Marriot Center em “True Lies”!

Principalmente porque fui a NY em 1995 e fiquei hospedada justamente no Marriot! Não vou esquecer disso NUNCA, hahaha! Também adoro a NY desprovida de humanos, destruída e meio caótica e selvagem de “Eu Sou a Lenda”. Ver Will Smith caçando entre carros abandonados e plantas crescendo desordenadamente nas ruas da cidade é memorável!

Que mais? “Bonequinha de Luxo”! Não tem como pensar em NY e não lembrar desse filme! “Esqueceram de Mim”! Hahahaha! Adooooooro! Ah! Tem também todos os filmes de catástrofe ou de monstros, que teimam em destruir NY, principalmente a Estátua da Liberdade: “Cloverfield”, “Godzilla”, “O Dia Depois de Amanhã”, e por ai vai! Lembrei de outro super impactante: o final de “O Planeta dos Macacos” (o original, porque não gosto da refilmagem do Tim Burton). Tem até filmes que mostram uma NY futurista, como “O Quinto Elemento” (acho que é o filme preferido do marido! Rs). E, claro, não poderia deixar de falar de uma animação que tem TUDO a ver com NY: o segmento de George Gershwin de “Fantasia 2000”, “Raphsody in Blue”. Sensacional!
Ufa! Por ora estou lembrando desses, mas sei que são muuuuuuitos outros! Quem me ajuda a lembrar de mais alguns?