Carregando...
Beleza

Do Outro Lado: Quero olhos pequenos!

01.09.2011
Padrão do site

Você sabe o que é “Sang-Ka-Pul”?

Eu acho que não existe uma palavra em português que dê nome para aquela dobrinha na pálpebra, porque ninguém nunca repara nisso no Brasil…
Mas na Coréia do Sul, ela se chama “Sang-Ka-Pul” e é muito importante pois a tal dobrinha é sinal de beleza, de olhos grandes (numa terra em que muita gente não é assim naturalmente!) e lá as pressões para as pessoas serem bonitas são ainda mais altas.

Foi isso o que a americana Kelley Katzenmeyer descobriu quando foi estudar na Coréia do Sul. Ela foi pensando em fazer um filme sobre como os adolescentes sofrem por serem exigidos demais na escola mas, convivendo com seus colegas, reparou que havia algo de errado nos padrões de beleza que eles buscavam. O trailer do filme é fantástico, olha só:

Fiquei um pouco assustada com a cola que essas meninas passam no olho para que ele fique parecendo maior. Fiquei mais assustada ainda ao ouvir os depoimentos de que o normal é se formar e fazer uma cirurgia plástica pra resolver esse “problema”. É triste demais saber que a mãe de uma das garotas nunca disse que ela era bonita até ela ter olhos ocidentalizados (!!).

Enfim, o documentário Korean High School, uma produção independente, financiada por doações feitas através do site kickstarter tem previsão de estreia pra Agosto de 2012.

Mal posso esperar para poder assistir, acho incrível que a diretora não tem nem 20 anos e já tem tanta sensibilidade!

92 Comentários  |  Deixar Comentários

Comentários:
  1. Iara    01/09/2011 - 09h47

    oi tati, gosto bastante dos seus post aí do outro lado. E gosto também quando aliamos um pouco de cultura geral à moda, assim como o Chata faz. Vou querer assistir!

  2. Aninha Varjão    01/09/2011 - 09h54

    Caramba….to passada….tem uma hora que uma das meninas usam uma grafite para poder colar as palpebras….
    Mal sabem elas quesao lindas!!!
    Bjinhux
    http://saiaplissada.blogspot.com

  3. Sara Moreira    01/09/2011 - 09h56

    Muito legal! retratando as orientais sendo manipuladas pelo esteriótipo ocidental. Um absurdo essa mudança.

  4. Mariana    01/09/2011 - 09h58

    Deve ser um documentário fantástico !! Pena que ainda demora para chegar aqui …Bjos.

  5. Lih Florencio    01/09/2011 - 10h04

    Parabéns pelo post, realmente incrivel!

  6. Mariana    01/09/2011 - 10h05

    Incrivél, ainda não consigo acreditar!

  7. Geovana    01/09/2011 - 10h37

    Incrível! Mal posso esperar para assistir.

  8. Pa    01/09/2011 - 10h45

    Nossa Lu tambpem estou super curiosapra ver mas que coisa triste. Nao bastasse os padroes de magreza, meu Deus, realmente chocante. Bjs Pa
    http://www.useinaoqueromais.blogspot.com/

  9. Nana    01/09/2011 - 10h58

    Incrível!

  10. Elizabeth    01/09/2011 - 11h21

    que máximo, ela não tem nem 20 anos!
    tbm quero assistir!
    bjo
    http://meubemestar.wordpress.com/

  11. Ana Laura    01/09/2011 - 11h22

    A tal dobrinha seria o concavo?
    Fiquei curiosa pra ver o documentário!

  12. Camila    01/09/2011 - 11h22

    Como as coisas são diferentes né, adoro os olhos pequenos e puxadinhos acho muito lindo e charmoso. E faço o contrário delas, faço maquiagem com delineador pra ficar bem puxadinho e lápis preto na bordinha inferior para diminuir. Engraçado como nunca estamos satisfeitas né… Mas lá é quase uma obsessão.

  13. Patrícia A.    01/09/2011 - 11h24

    Nossa, assustadora essa cola! Eu, particularmente, sempre achei um charme os olhinhos pequenos! Muito triste essa realidade…

    E que charme esse layout novo, hein?! Arrasaram! ;)
    Beijo!

  14. Larisse    01/09/2011 - 11h26

    Eu adoro seus posts, pois eles dão uma perspectiva interessante de uma cultura muito distinta da nossa, mas esse certamente foi o que mais me surpreendeu, eu já sabia que o ideal de beleza oriental era de pele alva, olhos grandes e corpos magros (não sabia do rosto pequeno), mas essa cola é assustadora, tipo, como é piscar com isso? Mas achei ainda mais impressionante a iniciativa dessa americana, mesmo sendo nova, já teve a iniciativa de se mudar para um outro país e se re-matricular na escola, para conhecer e ajudar um povo, ao mesmo tempo q contrói uma carreira. Muito bonita a iniciativa dela, queria ter dinheiro para ajudar…

  15. Mariana    01/09/2011 - 11h28

    Interessante o filme. Mas é um engano da parte da autora do post pensar que aqui no Brasil a situação é diferente entre as meninas orientais. A escala é menor pois elas são minoria no Brasil, mas entre elas existe esse padrão de beleza. A falta de dobrinhas é motivo de incômodo, e conheço muitas meninas e mulheres orientais monolids que usam colas e adesivos para fazerem dobrinhas, ou que fizeram essa cirurgia – é muito comum essa cirurgia no Brasil! Não só cirurgiões plásticos a fazem, mas também oftalmologistas. E até mesmo, sem perceber, aqui no Brasil a beleza das orientais só é admirada nas garotas que têm dobrinhas. Podem reparar: todas as celebridades japas do Brasil têm dobrinhas. A dobrinha realmente é um item importante na hora de avaliar a beleza de uma garota, até mesmo inconscientemente. Infelizmente é assim, a ditadura da beleza ocidental!

  16. Mariana    01/09/2011 - 11h29

    Puxa, bem legal. Fiquei bastante curiosa para assistir. :)

    Eu não sabia que elas passam cola nos olhos! Também fiquei assustada quando li.

    Beijos!

  17. mari    01/09/2011 - 11h36

    achei que a mudança do layout deixou o site poluído.. mas amo o chata de qqr jeito! =D

  18. Anita    01/09/2011 - 11h49

    Realmente, é meio bizarro. Mas aqui no Brasil quando as meninas completam 15 anos elas ganham silicone, então não vejo muita diferença.

    Beijão! Ótimo post.

  19. Nathália    01/09/2011 - 11h54

    Wow. Até que não me choquei com isso, pq eu gosto muito da cultura coreana e sempre soube disso que na verdade não acontece só na Coreia, por exemplo, as japonesas são loucas por olhos grandes, acho elas até mais exageradas quanto a isso do que as coreanas. Lá é super comum fazer cirurgia plástica de nariz e olhos pelo baixo custo. Eu não tenho certeza se ainda é assim, mas há alguns anos atrás a cirurgia dos olhos custava menos que 500 doláres.
    Enfim, gostei muito do trailer mal posso esperar pelo documentário completo :D

  20. CristinaG    01/09/2011 - 11h59

    Achei incrivel o video.
    É realmente impressionante como a massificação da beleza perfeita e única atinge essas meninas. Que dó!
    Por favor nos avise qdo esse filme sair, gostaria muito de assistir.
    Adorei a materia.
    Isso fica tbm uma lembrança de sempre falarmos para nossos filhos como eles sao lindos! lindos! do jeitinho deles. É importante falar, ne mesmo q a gente ache obvio. Já lembrei minha filhota hoje o quanto ela é linda! Ela tem 11 anos e já começa a “achar defeito” onde nao tem. Temos que trabalhar mesmo o auto-estima das criancas.
    Abracos!

  21. Rose    01/09/2011 - 12h05

    Este assunto, embora à primeira vista possa parecer complicado, na realidade é muito simples:

    O que todos os seres humanos precisam descobrir, e esta descoberta é MUITO pessoal, é que na verdade para se ser, não é nescessario se parecer com ninguém.

    Eu sou, e isso basta.

    O problema estaá justamente aí, em não encontrar dentro de si mesmo os nossos verdadeiros valores e nos deixar levar e influenciar por tudo o que está fora de nós.

    Voltar-se para si e encontrar sua própria caixinha de tesouros é uma jornada muito difícil,porém é a unica e verdadeira missão de todos nos seres humanos.

    Bjs!!

  22. Roberta Tonelli    01/09/2011 - 12h21

    Parece realmente fantástico. Eu só consigo ver esses filmes, documentários e curtas na mostra de cinema da tv cultura… ou então alugando nas videolocadoras mesmo. Excelente achado!
    Beijos

    http://provocacoesdabeta.blogspot.com/

    ? ? ?

  23. Tiane    01/09/2011 - 12h23

    Amei eles cantando as musicas do Big Bang, é uma banda q amo muito!
    rsrs

  24. Ruth    01/09/2011 - 12h23

    Genial.

  25. fashionstorm    01/09/2011 - 12h52

    Ai Lu.. ri muito lendo isso.. sou descendente de coreanos e sei muito bem o que ela passa!! rsrsrs..
    Esses dias estava falando isso no meu trabalho e as pessoas achavam que é mentira.
    A verdade é que ter essas “dobras maiores” ajudam na hora de fazer maquiagem. Hoje em dia eu não necessito mais dessas colas, mas quando era mais nova usava muito!!

    Beijos!
    Vivi – FashionStorm

  26. Andressa Marques    01/09/2011 - 13h01

    bem interessante, esse documentário deixa bem clara a influência que a cultura tem sobre nosso comportamento. Enquanto aqui no Brasil as meninas estão preocupadas em ter seios maiores ou desejando um bumbum grande, elas só querem aumentar os olhos. É estranho pra nós mas pra elas tem o mesmo significado que qualquer padrão de estética daqui, muito curioso isso. tô louca pra ver tudo

  27. Renata    01/09/2011 - 13h08

    Post muito bom Lu. Em sua maioria os padrões de beleza não condizem com o estereótipo comum regional, e tecnicas cada vez mais avançadas e “doidas” surgem dando falsa esperança a milhares de pessoas. Passar cola nos olhos a princípio nos parece absurdo, mas a verdade é que muitas de nós, sem perceber, acaba fazendo coisas talvez mais absurdas do que essa, tudo para se tornar bonita aos olhos da sociedade. Não sou contra nenhum tipo de embelezamento, mas sim contra o porque disso, já que todas nós já somos belas, cada qual a sua maneira.

  28. Helisa Lemes Silva    01/09/2011 - 13h25

    Achei o cumulo do absurdo, digo, elas não aceitam a própria beleza, vivem com base em um padrão que não deveria existir.
    Elas são lindas, e é como se não soubessem.

  29. Thiemi Konno    01/09/2011 - 13h36

    Ai meu sonho era fazer essa dobrinha!! qm sabe mais pra frente eu nao encare a cirurgia… por enquento eu fico na colinha e nos adesivos =)

    Bjos

  30. Milene    01/09/2011 - 13h50

    Adoreii a dica do documentario. Assisti ao trailer e realmente é bem impressionante. Amei a dica, acho que vale a pena olharmos pra cultura de outros paises, e enxergarmos que a nossa nao é lá tao ruim quanto reclamamos.
    Parabens pela dica! Amei…

  31. Ana Cris    01/09/2011 - 13h55

    Eu já conhecia essa preocupação, é um horror, né?!! mas há muitas outras por toda parte.

  32. Letícia    01/09/2011 - 14h00

    Bem interessante… Quero assistir o filme quando sair :)

  33. Luisa Teles    01/09/2011 - 14h01

    que legaaal! que guria bacana, adorei a idéia do filme e a sensibilidade dela tb!

  34. AmandaAMC    01/09/2011 - 14h17

    É a da pálpebra-dupla???

  35. Nathali_Kitty    01/09/2011 - 14h24

    Eu amo a cultura coreana e a japonesa
    adoro música pop coreana (como Girls Generation, T-Ara,2NE1 e etc) e sei que eles são muito exigentes em relação a beleza mesmo :)
    super interessante quero ver na integra

    Parabéns pelo post

  36. Tamara B.    01/09/2011 - 14h25

    O mais incrível é que fazemos o mesmo , colocamos e acreditamos em PADRÕES de beleza ! Na moda e tudo mais , e a beleza sinceramente , ela é somente bela , não deveria haver padrões mas também nos maltratamos fisicamente e psicológicamente ,porque queremos estar 24 horas como se tivessemos saindo prontas de um photoshop , como se fossemos moldadas a mão ! e isso a maior parte do tempo nos transtorna.
    Não que seja ruim gostar do que está na ” moda ” ,mas não tornar isso uma regra.

  37. Loma Sernaiotto    01/09/2011 - 14h35

    Acho que não é apenas na Coréia que acham as ocidentais mais bonitas. Uma blogueira mega famosa de Singapura fez cirurgia nos olhos, pra ocidentalizar. Os cabelos dela são loiros, e o pessoal vive criticando que ela renega a cultura. Ela diz que não renega, mas se acha mais bonita assim e faz o que quiser com seu corpo.
    Com ela, foi uma escolha pessoal. Mas é uma pena que a cobrança seja grande na Coréia. To doida pra ver o filme! Ótima dica!

  38. Ci    01/09/2011 - 14h39

    Oi Lu, adorei a matéria!
    Eu sou descendente de japoneses, mas meus olhos são bem parecidos com os das coreanas, entendo o lado das meninas. Acho que o fato de ter o olho maior não é o único motivo pra elas apelarem para cirurgia. Uma vez procurei um tutorial de maquiagem para oriental e vi essa cola e fiquei fascinada, motivo: MINHAS PÁLPEBRAS NÃO SÃO COMO AS DAS OCIDENTAIS, aí o que acontece, se eu passo o delineador ele não aparece, fica escondido. A maquiagem fica linda nas pessoas que tem pálpebras. Uma vez fiz um curso de maquiagem em orientais, fui escolhida pra ser a modelo da aula, saí de lá horrível! rs
    Mas mesmo me sentindo um pouco na pele dessas meninas, é um tanto estranho as adolescentes escolherem isso e os pais não intervirem.

    • chris    01/09/2011 - 14h48

      Ci, tem como criar dobrinha sem uso dessas colas viu!! =) Eu vi no fmheadtotoe ela fazendo makes sem dobrinha e criando com o degradê e o delineador!! E também tem delineadores super finos que dá pra usar sem o delineado ficar escondido!! Eu mesma não fazia delineado pq conseguia só fazer traço grosso e sumia a pouca dobra que tenho, agora não vivo sem =)

    • Dani    02/09/2011 - 11h43

      eu tbm assisto o canal frmheadtotoe da Jen, eu acho que ela faz umas makes lindas que valorizam os olhos dela, mesmo eles sendo monolid… e ela fica linda…

    • Ci    08/09/2011 - 21h28

      Chris, muiiito obrigada pela dica!
      Vou lá olhar já! rs
      :D

  39. chris    01/09/2011 - 14h44

    Não só na Coréia mas também no Japão e na China as meninas usam muito essas colas, fitas, adesivos para fazer a dobrinha no olho!! No Japão eles usam mais o Eye tape que é um adesivo que vc cola no olho para fazer a dobra… eu testei e postei no meu blog sobre isso mas o efeito não é mto bonito.. tive que me maquiar pra não ficar com a cola aparecendo.. hauhauhau Mas mta gente faz cirurgia plástica e as que tem medo recorrem aos acessórios… Nas revistas todas as meninas usam o Eye Tape.. é mto difícil ver alguma modelo sem dobra… todas usam o eye tape.. Minha irmã tem mto mas mto complexo por não ter dobra e ela tá louca para fazer a cirurgia (ela tem 14 anos).. Se ela estivesse no Japão com certeza já teria feito cirurgia ou estaria viciada nesses acessórios… Enfim, ocidentalização da beleza oriental está demais e não valorizam mais esses olhos puxados por lá… =(

    Vixe.. comentário ficou grande… ehhehe Beijos =***

  40. Ana Zilio    01/09/2011 - 15h18

    Incrivel como não importa idade, sexo ou país, sempre tem alguém insatisfeito com algo, mas como elas não querem parecer coreanas se são coreanas? Acho que essa baixa auto-estima deve ser pelo fato de não terem nenhuma super celebridade lá. Se tivesse alguma atriz ou cantora que mantivesse os olhos do jeito que nasceu e não usando artifícios como cola ou cirurgia plátisca essas meninas se aceitariam mais, por terem um bom exemplo de que beleza tem várias faces.

  41. Anne    01/09/2011 - 15h23

    Incrível, realmente muito interessante e lamentável a situação dessas garotas. Deveria haver uma modelo oriental que servisse de inspiração para elas se sentirem incluídas no padrão de beleza!

    Meus parabéns Lú pelo blog, além de nos dar ótimas dicas de beleza, nos conscientiza pras coisas importante! Um bálsamo de cultura!

  42. Natália V.    01/09/2011 - 15h34

    Eu acho justo respeitar a cultura e a crença de outras pessoas, se p as coreanas o bonito é ter dobrinha ok. Aqui no Brasil o bonito é ser magra, bunduda e peituda e isso vira uma obsessão p grande parte das pessoas e vai do individuo aceitar, mudar, ou conviver infeliz com o que julga errado, seja físico ou mental. NÃO acho q o choque dessa menina Norte America com a obsessão por aparência das meninas seja justo, acho q o choque foi mais com o fato das coreana acharem a tal “Sang-Ka-Pul” o máximo.

  43. Karol    01/09/2011 - 16h32

    Muito bom! Adoro a cultura oriental e suas músicas. Adorei o post Tati, e parabéns pelo blog Lu! Acesso todo dia, bj.

  44. Jak    01/09/2011 - 17h14

    Parece absurdo pq não é a nossa realidade. Mas percebo que estamos passando pela mesma situação em relação aos seios. Ditadura dos grandes seios americanos. É só uma menina ter alguma oportunidade financeira para colocar silicone. Forçando um pouquinho a memória é fácil lembrar que há 10 anos os seios pequenos eram considerados bonitos. Enfim, por moda também enfrentamos um bisturi.

  45. Fernanda L    01/09/2011 - 18h19

    Que post interessante!
    Achei a iniciativa da menina incrível, tenho 17 anos e acabei de voltar de um intercâmbio, fui pra França, que tem muitas semelhanças com o Brasil, mas conheci muito sobre outras culturas! Agora morro de vontade de ir para um país oriental, conhecer um pouco mais sobre essa cultura tão rica!
    Na França conheci uma tailandesa, ela sempre falava sobre como eu e as outras ocidentais (americanas, mexicanas…) eramos lindas e ela feia, queria ter a nossa pele, nossos olhos, nossos narizes… Sendo que ela também era linda, só tinha que aprender a se aceitar!
    Mas no Brasil também temos esses problemas sim, quantas meninas se matam na academia pra alcançar um esteriótipo? Colocam silicone, mega hair… É um problema que todas as sociedades enfrentam…
    Seus posts são muito ricos Tati, continue assim! É muito interessante dar uma espiadinha no que rola nos outros países!
    Beijão!

  46. Natália Rodrigues    01/09/2011 - 19h14

    Muito legal, o post.
    Como vários brasileiros, convivi com coreanos estudando inglês nos EUA.
    É impressionante como eles são aficcionados pela aparência física mesmo. Tive uma colega de sala que, no meio da aula, ficava apertando o olho, pra colinha não soltar. Era até fofo, no fim das contas.
    É engraçado também como elas desprezam muito o que acham feio e criam uma admiração surreal pelo “bonito”. Várias vezes, vieram me dizer “você é linda!”, com aquele jeito meigo delas, sem vergonha de nada, quando eu perguntava, elas diziam “seu olho! e seu nariz!”
    Tem muitos mundos dentro desse mundo da gente mesmo.
    Beijo :)

  47. Anne    01/09/2011 - 20h32

    Pela primeira vez notei que tenho duas dobrinhas nos olhos…Nunca achei que isso fosse fazer qualquer diferença.
    O que me chocou foi a mãe nunca ter dito que a filha era bonita, só após uma cirurgia. Que tipo de concepção distorcida é essa? Não consigo entender porque olhos ocidentais são bonitos lá. Mais parece uma retirada da identidade da pessoa.
    Deve ser um documentário muito bom e com certeza é um assunto a ser discutido.

  48. Bia Y    01/09/2011 - 21h05

    Essa “cola” já tinha visto desde 2008 num vídeo de maquiagem de uma garota americana que é descendente de orientais. Não me chocou muito na época, mas pelo menos é um método que não é permanente como a cirurgia plástica.

    Minhas colegas do colégio eram orientais e uma delas reclamava MUITO dessa ausência de dobrinha. Aqui no Brasil isso também é muito comum porque INFELIZMENTE o culto da beleza ocidetal é gigantesco, tal como o preconceito racial ainda é muito forte.

    O documentário ganha minha admiração por tratar desse assunto da questão da beleza, porém… Esses 15 minutos de trailer não eram necessários, né? Dava muito bem para ser um de 5 minutos. Se o filme for com o mesmo tratamento do trailer, vai ser bem cansativo.

    Mas o que nós podemos fazer? Sinceramente, acredito que blogueiras podem fazer a diferença. Pelos mesmos motivos que olhamos os “looks do dia”, por ser uma mulher/garota real e não aquele padrão modelo das revistas.

    Beijos a todas!
    Bia

  49. Maíra dos Anjos    01/09/2011 - 21h08

    A dobrinha seria o concavo? incrivel né? Sempre encontram um jeito de colocar um defeito nas pessoas.

  50. Gabrielli Fernandes    01/09/2011 - 22h01

    Eu jah conhececia esse produto, li uns anos atras num blog, falando tb da obssessão jovem oriental em ter a dobrinha no olho… é uma coisa tão pequena… quero ver o documentario!

  51. Ana Paula    01/09/2011 - 22h04

    Eu acho engraçado como saindo do contexto, os sacrifícios para ser bonita parecem tão absurdos. Outras pessoas já apontaram nos comentários e eu concordo: nossa cultura também exagera muito para alcançar beleza. Os americanos nem se fala…. Cirurgia, transtorno alimentar, cosméticos mirabolantes…. Mas quando o padrão difere muito do nosso fica evidente demais. Não acho que por ser um problema globalizado esteja correto, muito menos o documentário perca seu brilhantismo. A unanimidade das coreanas é realmente digna de nota. Mas, Sacrifícios comuns de beleza (depilação, química nos cabelos, dieta, academia, creminhos, manicure e pedicure) dividem uma linha tênue com essa maneira de rejeitar sua imagem.

  52. Suzana Chung    01/09/2011 - 22h38

    Eu sou Coreana, mas tenho SANG KA PURL! Graças aos meus pais… kkkk
    Meu marido tb tem, mas a nossa filha tem as dobrinhas bemmmm pequenininhas, e resolvi aumentar, comprei colinha e adesivos, adesivos vende numa loja de cosméticos Coreano, no bairro do Bom retiro-SP, aí to colando nos olhinhos da minha filha de 7 anos hahahah (to pensando no futuro, economia na cirurgia! kkkk) A cirurgia custa em torno de 1500,00. Adorei a matéria!

    bjss

    • Regiane    02/09/2011 - 12h37

      Susana, Vc jura que vc faz isso com sua filhinha de 7 anos???

  53. Suzana Chung    01/09/2011 - 22h43

    Ahh! Esqueci de dar uma dica! A idéia de quem usa adesivos para criar o SANG KA PURL, é passar delineador no adesivo depois de ter sido colado! Antigamente umas amigas faziam isso, outras optar por cirurgias, que ficaram super naturais, com o melhor cirurgião plástico Coreano do Brasil, já tirei uma pinta perto da boca, com ele, Recomendo ele!

    Sabiam que na cirurgia de pálpebras, caso vc tenha muita pele nos olhos, ele corta pra poder tirar um pouco, deixar menos “gordura nas pálpebras” assim fica mais natural. A recuperação é de 1 mês, e a cicatrização total e desinchaço é de 6 meses.

    O meu era pequeno, e um certo dia do mês de AGOSTO/2011, acordei com eles virados, ou seja, ficaram maiores as minhas dobrinhas, já me acostumei e ficou mais bonito, fiquei com os olhos maiores… kkkk

  54. Claudia Diniz    01/09/2011 - 22h47

    Gente eu não sei o porque do susto com a cola, é uma cola para pele, não usamos cola para colar cílios postiços, para mim é tão normal quanto. Lavou saiu. O Brasil, se não me engano, é o segundo no mundo em número de cirurgias plásticas e cada vez mais cedo as meninas estão colocando implantes de silicone. Há alguns anos o padrão de beleza no brasil era cintura fina e bumbum grande, agora soma-se o peito grande. Isso provavelmente no gosto masculino, porque no feminino, a magreza exagerada das modelos é o mais cobiçado, o cabelo longo e super liso das orientais e louro das européias. E é mega hair pra cá e luzes pra lá… Enfim, cada povo estabelece seu padrão de beleza que vai mudando no decorrer do tempo, e pelo jeito o que temos em casa nunca será satisfatório e sim o que é de fora, afinal a grama do vizinho é sempre mais verde não?

  55. Suzana Chung    01/09/2011 - 23h02

    Daqui a pouco esse post vai ter mais comentários meus, rsrs… sempre esqueço de algumas palavras.

    Se os pais tiverem SANG KA PURL natural, os seus filhos tb nascerão com.
    Meus amigos e meu irmão dizem que as Coreanas bonitas, vieram todas para o Brasil, as feias ficaram por lá… kkk… sabem pq? Pq realmente as que nasceram aqui, ou que cresceram aqui, são mais bonitas mesmo, não sei pq, deve ser o Brasil… hahah
    Lá na Coréia, as estudantes não são muito vaidosas, por ficarem o dia TODO só estudando, tenho 2 primas que vieram da Coréia há pouco tempo, são umas Geek! Os pais delas não deixam elas se enperiquitarem, assim não pensam em outras coisas além de estudo.

    Lembre-se.. não existe mulher feia, existe mulher DESARRUMADA.

    Por fim… (aleluia ne?) espero ter contato uma partezinha da Coréia =)

  56. Amanda Maciel    01/09/2011 - 23h30

    Muuuuuuito interessante mesmo! Vou assistir, com certeza, ao filme!

  57. Camille    02/09/2011 - 00h14

    seus posto são simplesmente sensacionais. apesar de não ter nada a ver com tradições orientais, me interesso muito pelas culturas desses países. muito, muito legal mesmo esse post!! incrível essas meninas não se acharem bonitas. acho os traços orientais o máximo.

  58. Tici    02/09/2011 - 00h17

    Adoreei a matéria !!
    Eu sou descendente de japoneses e eu não tenho a dobra nos olhos tambem, antigamente isso me incomodava muito. Mas com o tempo fui me acostumando e até gostando da idéia de não ter a dobra, porque aqui no Brasil é diferente, poucas pessoas não tem essa dobra.
    É dificil fazer uma maquiagem bonita sem essa dobra, e dificil tambem de achar tutoriais bons… mas é questao de treino mesmo ! :DD

  59. Lu    02/09/2011 - 00h19

    Oi!

    Muito interessante o filme!Ansiosa para assistir…Atualmente moro em Toronto, Canada. e tenho dezenas de amigas coreanas, lindas, inteligentes e doces! Pena que o problema eh ral…. Elas se acham as pessoas mais feias do mundo, odeiam os olhos delas, o queixo, nariz, macas do rosto… Enfim tudo! Quando elas me falam todas as cirurgias que vao fazer, eh inacreditavel! Mas desde que comecei a conviver com minhas amigas coreanas, comecei a refletir sobre nossa padrao de be;eza, pelo menos o que eu sempre quis, magreza a qualquer custo, dieta maluca, desmaios e tudo mais… Aprendi a valorizar quem sou, nao sou meu corpo! Logico que ficar magra e bonita eh otimo, mas se nao tiver que pagar um preco muito alto por isso!
    Sempre tento ajudar minhas amigas coreanas, dizendo o quanto elas sao lindas, como tem canadenses,brasileiros e etc, interessados nelas…

  60. Nathalia    02/09/2011 - 00h21

    Nossa amei kro muito ver o filme. Acabei de chegar de uma temporada no canada e passei muito tempo com coreanos e realmente todas elas querem ter olhos grandes, e é muito comum essa cirurgia depois de formar. Parabéns pelo post avise quando sair o filme.

  61. Fani    02/09/2011 - 00h40

    Cada povo com sua doidura. As americanas são todas siliconadas. As brasileiras eram as rainhas das bundas e quem não tinha bunda coitada…Hoje também são siliconadas e barrigas chapadas na abdominoplastia e fora os cabelos chapados e loiros(antes o povo fazia permanente). Lá são os olhos…Fora a ditadura da magreza mundial.. Deus pq o ser humano é assim? Não nego que tenho meus “grilos” mas procuro supera-los e valorizar o que tenho de bom… Gente vamos acordar ninguem e unanimidade! Beijso

  62. juju    02/09/2011 - 07h23

    amei esse post e eh incrivel ver algo assim no chata.
    da classe ao blog e mostra que nao faz sucesso sem merecer.

  63. Lua    02/09/2011 - 09h12

    hipocrisia…hipocrisia… nos matamos fazendo dietas absurdas, desejando itens que não cabem no nosso bolso economicamente, mega-hair, relaxamento (eu faço), depilação… elas n podem desejar umas dobrinhas na pálpebra, mas nós podemos modificar nosso corpo a vontade né? aiai

  64. Lena Vaz    02/09/2011 - 10h01

    Absolutamente incrível a iniciativa.

  65. Camila C    02/09/2011 - 11h17

    Meu Deus. Fiquei tão chocada com esse documentário. Meninas LINDAS querendo fazer cirurgia plástica por causa de uma dobrinha no olho. Chega a ser triste :(
    Não vejo a hora de ver esse documentário. Com certeza vai ser muito bom!

  66. Elise    02/09/2011 - 12h10

    Não assisti o vídeo inteiro, mas li alguns comentários aqui. Sou descendente de japoneses e, como a maioria dos orientais, não tenho sang-ka-pul. Aliás, eu tenho, mas somente no olho esquerdo. Por isso uso essa colinha de “dobrinha” para deixá-los iguais.

    Essa colinha não é nada de “MEU DEUS, ELAS PASSAM COLA!”. Tenho a impressão que é o mesmo líquido utilizado para colar cílios postiços, devido ao aspecto e cheiro, mas não posso afirmar. Tenho alguns tubinhos que meus familiares enviaram do Japão e alguns que comprei na Liberdade em São Paulo – SP. Tenho uma amiga que usa há tantos anos, que hoje em dia, mesmo que ela não passe a colinha, a “dobrinha” fica naturalmente.

    Também tenho outra amiga que não tinha paciência com a colinha, pois nunca acertava o formato da dobrinha e acabou fazendo a cirurgia que á nada mais que um corte pequeno na pálpebra para pegar o formato.

    Nem sempre são casos para “ter olhos grandes”. No meu caso, é para deixá-los mais uniformes. Tenho conhecidas que é para a maquiagem ficar mais bonita. Mas aqui no Brasil nunca ouvi histórias de que os pais rejeitam as filhas enquanto seus olhos são “pequenos”. Ainda bem! :)

  67. Regiane    02/09/2011 - 12h18

    Tenho muitas amigas descendentes de orientais aqui em São Paulo que fizeram ou pretendem fazer a tal cirurgia… é muito mais comum e está muito mais perto de nós do que imaginmos…
    Bjs!

  68. Jana    02/09/2011 - 12h22

    afffff, enquanto isso aqui no Ocidente achamos lindos os olhos “puxados” das orientais! (bom, pelo menos eu acho)

    A agressão ao corpo (e à alma) em busca do que é considerado “beleza ideal” existe em todos os povos e culturas. Lá as meninas “colam” os olhos, aqui nós desenvolvemos anorexia e bulimia…

  69. Marcela Lôbo    02/09/2011 - 14h06

    CARAMBAA! Muito legal! To louca pra ver, acho um absurdo elas quererem se ocidentalizar se ser oriental é tão lindooo! Acho lindo olhos puxados *-*

  70. Claudia    02/09/2011 - 14h29

    Poxa… que situação, hein.. e as meninas são lindas mesmo…
    e este stress todo com os estudos? por um lado ajuda a formar o carater profissional e tals…mas acho que acabam exagerando mesmo.

    Bom, dica incrível! Vou assistir sim…
    Será que a Tati poderia avisar aki no CHATA quando o filme estreiasse? pq ctza que eu (e outras várias) vou esquecer de verificar se estreiou rsrsrsr

    bjO
    bom final de semanaaaaaaaaa

  71. Joana    02/09/2011 - 17h14

    Mto legal. adorei assistir isso!

  72. Daniela    02/09/2011 - 17h39

    Acredito que toda essa história de “dobrinha” nos olhos e cirurgias plásticas são aspectos culturais. Pois ouvi dizer que a beleza da esposa representa o poder/influência (dinheiro) que o marido tem. Por isso que os maridos investem tanto na aparência da esposa. E os pais não intervém sobre fazer a cirurgia pois acho que eles não querem que as filhas deles fiquem sozinhas…

    Agora sobre a colinha para fazer essa “dobrinha”, eu já usei.
    Sou oriental também e não sei porque mas eu nasci um olho com dobrinha e outro olho sem, e isso me incomodava muito, pois visualmente era estranho. Resolvi usar e a pálpebra acabou acostumando e hoje em dia não uso mais e fiquei com dobra nos dois olhos. E se eu não tivesse ficado com a dobrinha para sempre, eu pensaria em fazer a cirurgia sim, mesmo que em um olho só.
    Sinceramente, só tendo os olhos como os delas para saber como é.

  73. Natália    02/09/2011 - 18h35

    Interessante, mas nem TANTO… Pq isso acontece em TODAS as culturas. E olha, na deles, me parece q ainda menos. Pq, pelo q entendi, elas esperam se formar no ensino médio pra fazer a tal da cirurgia no olho. E aqui? Meninas de 15, 16 anos, no 1º e 2º anos do Ensino médio JÁ FAZEM cirurgias q, a meu ver, são MUITO mais invasivas, como: implante de silicone e lipocirurgia. Isso sem contar que eu JÁ VI rinoplastia ser feita em uma menina de ONZE ANOS! ONZE ANOS e fazendo rinoplastia por pura estética. Não vamos muito longe, embora não seja uma cirurgia: minha mãe me botava pra fazer escova no salão desde que eu tinha 6 anos…

    A pressão pela beleza está em TODOS os lugares, em todos os países, em todas as culturas. Sad, but true.

    Mas não deixa de dar vontade de asisstir ao tal documentário!

    Agora.. quanto a ‘dobrinha’.. engraçado.. pq eu ODEIO a minha e sempre tive vontade de fazer uma cirurgia para tirá-las! haha… Mulher é mesmo um bicho eternamente insatisfeito com a aparência..

    Bjos!

  74. A M    02/09/2011 - 19h22

    Foda, eu convivi com koreanos minha adolescência inteira pois no colégio em que estudava haviam muitos, várias amigas minhas fizeram a cirurgia pra conseguir a tal dobrinha

  75. Natália    02/09/2011 - 19h24

    Lembrando que o Brasil é o SEGUNDO PAÍS DO MUNDO a mais fazer CIRURGIAS PLÁSTICAS! Então… acho que a menina deveria vir aqui pro BR e ir morar no RIO (onde, definitivamente, a pressao pelo ‘corpo perfeito’ é ainda maior q no resto do país, embora pareça impossível.. mas é!) e ver o taaanto de menina de 14 anos se siliconando e fazendo dietas mil.

    O triste é: lá elas passam até 16 horas estudando. Aqui as meninas passam 24 horas em função da beleza… Estudo? Pra q? O importante é ficar gata, gostosona e entrar pro BBB ou arranjar um homem rico! =)

  76. Patricia    02/09/2011 - 22h29

    Tati, acho que o nome da dobrinha do olho em portugues é “concavo”, não? E exatamente aquela dobrinha que as orientais não tem. Poxa, eu tenho um concavo super fundo, queria que fosse menos até. Acho as orientais tão bonitinhas com o olho delas, existem tantos tipos de beleza no mundo e o bonito é exatamente isso, a diversidade. Já ouvi falar que lá existe muita pressão para elas se parecerem com as ocidentais, que o padrão de beleza é ocidental. Uma coisa horrível, espero que um dia elas possam se aceitar e ver que são tão belas quanto as ocidentais.

  77. Giulia    03/09/2011 - 13h09

    Achei o documentário muito interessante, mas o que a menina não percebe é que que as meninas ocidentais também tem neuras parecidas. Hoje me dia meninas americanas e brasileiras querem colocar silicone aos 15 anos, ou fazer plástica no nariz. E o número que realmente faz a cirurgia é muito alta! As cirurgias são diferentes, mas é o mesmo problema, todas não se acham bonitas o suficiente.

  78. simone vedder    03/09/2011 - 13h40

    Tati, muito esse post…vou aguarda esse documentário!!!!
    bjs

  79. Lu    03/09/2011 - 16h06

    Ainda não vi o video, li apenas o post.
    Há alguns meses estava procurando no youtube videos/tutoriais para ocidentais que tem olhos pequenos e palpebras “inchadas”. Já que sempre que acerto aquele esfumado LINDO ele simplesmente não aparece por causa do formato dos meus olhos.
    Olhei para os videos relacionados e fiquei abismada qndo encontrei um video de uma menina ensinando a usar “super glue” (super bonder) p/ fazer uma dobrinha antes do make!!! MEDO!!!
    Gente, a que ponto chegamos em nome da beleza?! Se a menina postou o video no youtube, é pq tem gente que assiste. E se tem gente vendo aquilo, tem gente FAZENDO!!!
    Beijos!

  80. Lu    03/09/2011 - 16h50

    Lu… agora assisiti o video e li os comentários,

    Tirando aquele video no youtube onde a menina ensinava a usar super bonder p/ fazer o concavo, essa cola usada no video é propria para os olhos.
    Eu acho as mulheres orientais lindas! Lembro que quando era criança (e as vezes ate hoje) quando acordo e meu olhos estão inchados e minha pele descansada e uniforme penso: “pq não sou assim o dia todo? Seria menos feia.”

    Outro ponto que não foi abordado pelo post nem pelos comentários das leitoras: o sistema educacional sul coreano.
    Estudar 16 hrs/dia?! Ué, “no big deal!”
    Foi atraves dessa disciplina e dessa reforma educacional que a Coreia do Sul se tornou referencia mundial em qualidade. E como as pessoas adquirem esse habito/rotina de estudos desde pequenas, não é nada absurdo estudar tanto. Admiro isso e se no Brasil nos inspirassemos em um modelo semelhante, teriamos menos “seje”, “menas” “concerteza” “agente” entre outro que doem ler e me envergonham de ter estudado no Brasil.
    Não sou perfeita e também cometo erros… mas nosso sistema educacional precisa sim de uma reforma urgente nas bases (ensino fundamental)!!! Há universitários hoje que são incapazes de redigir um simples artigo ou fazer uma simples interpretação de texto. COMO alguém chegou ao ensino superior sem essas habilidades?

    Enfim, apenas um desabafo sobre o outro tema abordado pelo documentário.

    Parabens pelo post Lu! FANTASTICO!!!
    Beijos

  81. […] via: Chata de Galocha! | Lu Ferreira. […]

  82. Sung    06/09/2011 - 12h17

    Eu super me identifiquei com esse post…De verdade, acho que ninguém nunca soube como os padrões de beleza orientais são super pesados. Minha mãe desde meus 15 anos quis que eu fizesse o sankapul. Falava que mudaria meu destino,minha vida.Parece loucura,né?Pois bem, eu nunca fui apta a essas coisas e me sinto super bem andando de cara lavada. Ela ainda insiste, com o apoio da minha irmã e o resto da família inteira. E sim, já usei essas colas. O olho fica doendo um tempo, mas depois você se acostuma. Eu não aguentei nem 2 dias…Hahaha!
    Em São Paulo é um hábito muito comum, e a maioria das coreanas faz desde nova. Fazem cirurgia no nariz e altas coisas mais.Essas coisas acontecem mais perto do que vocês imaginam.

  83. Bia    06/09/2011 - 16h10

    Gente, que coisa boba. Não digo boba pelas meninas que usam desses artifícios para se ocidentalizar, afinal, todas nós meninas/mulheres usamos de inúmeros artifícios, por vezes tão estranhos e incômodos quanto. O que acho bobo é essa padronização da beleza. Vc, gosta de uma cor só? Tem tudo dessa cor e usa ela todos os dias? Existem milhares, milhões de pessoas lindas de diferentes formas. A Adele e a Alessandra Ambrósio, a Beyoncé e a Kristen Stewart, todas são lindas! Nós temos preferências, sem hipocresia, mas não é por isso que não exista e admiremos outros tipos lindos!
    Acho lindo orientais, super charmoso os olhinhos puxadinhos e os bebezinhos, então? Morro de amores!!
    Vc é o seu padrão, se cuide, se arrume e acima de tudo, se ame! Assim, vc será a mais linda! :)
    http://superfluosuteis.blogspot.com/

  84. Rafaela    24/11/2011 - 10h26

    Incrível Lu! quero muito ver esse filme!!

  85. Viviane    21/03/2012 - 09h07

    Elas não eram para estarem insatisfeitas só com os olhos, mas com tudo, já que são todas “iguais”. Mesmo morando no Brasil, já acho meu tipo físico comum, que dirá elas! Elas devem ter uma puta raiva de terem nada de diferente! O olho grande é um diferencial de beleza nelas, eu as entendo perfeitamente! E, sinceramente, elas tem muito bom gosto, olhos grandes são LINDOS, meu olho é de tamanho médio pra grande, mas adoraria que fossem ainda maiores, fui num cirurgião plástico pra ver se ele fazia uma blefaroplastia em mim, pois estou achando minhas pálpebras meio caídas, mas ele se recusou, disse que eu era linda (aff). Mas ainda encontro um médico pra fazer blefaroplastia e, assim, eu ficar com os olhos ainda maiores e ainda mais lindos! Só para informá-las, tenho 25 anos.

  86. alice    13/07/2013 - 04h32

    Acho hipocrisia as mulheres aqui dizerem que “elas deviam aceitar a beleza delas”, quando estão loucas para emagrecer, ter cabelos louros, seios grandes, músculos definidos, olhos claros e um zilhão de outras coisas que não condizem com brasileiras e às vezes com nenhum padrão natural humano.

    Falam como se não fizessem “Loucuras” por beleza.

  87. Brê    30/10/2014 - 20h27

    Aaaai meu Deus ! Que tudo ! Tenho olhos puxados, um tanto exagerado , e acho isso lindo ! Nunca iria passar uma cola pra almenta-los , poucas pessoas veem isso em mim, já que aq no Brasil ngm liga pra isso, se eu pudesse, queria ter eles mais e mais fechadinhos, é muito FOFOOOOOOOOOO ! Só tem um problemas, minhas fotos tenho q tirar de sobrancelhas erguidas, senão parece que meu olho está fechado, rs.

  88. […] Do Outro Lado: Quero olhos pequenos! – Chata de … – oi tati, gosto bastante dos seus post aí do outro lado. E gosto também quando aliamos um pouco de cultura geral à moda, assim como o Chata faz…. […]

Dia de fotos dos lançamentos da linha #ChatadeGalocha! Semana que vem à venda pra vocês: Óleo Demaquilante, Sabonete Facial e Tônico 😍
Mais sobre Beleza