Carregando...
Lifestyle

FOMO: a sensação de que a gente não tá aproveitando a vida

27.12.2017
Karla Lopes

A gente vive numa época em que temos acesso a tudo que os outros estão fazendo. São fotos lindas no Instagram, milhares de Stories em tempo real, postagens no Facebook e no Twitter e em qualquer outra rede que dê para compartilhar acontecimentos. E por isso parece que a gente não consegue se desconectar da vida dos outros e temos a sensação de que, se não participamos dessa badalação, não estamos vivendo nada.

Uma matéria publicada no New York Times em 2011 já adiantava o nome dessa sensação: FOMO – Fear Of Missing Out (ou medo de ficar de fora, em português!).  Esse é um fenômeno comportamental que vem atingindo MUITA gente em tempos de tanta exposição  da vida nas redes sociais.

FOMO 1

Vai dizer que você nunca se sentiu mal ao ver fotos incríveis de viagens no seu feed? Ou aquele corpo que considera perfeito? Talvez aquele look que você gostaria de ter com todas as forças? Ou até mesmo em coisas mais “simples”, como um grupo de amigos cantando junto na balada ou comendo um prato incrível registrado numa foto muito bem planejada?

E quando a gente fica 24h por dia, 7 dias por semana com o celular na mão atualizando o feed de todas as nossas redes, rola mesmo essa sensação de estar perdendo tudo que está acontecendo na vida. Principalmente se você for uma pessoa mais caseira ou que se sente sozinha.

Ver todas essas pessoas vivendo coisas incríveis o dia inteiro, pode fazer com que com a gente se sinta ainda mais sozinha, né? E isso é horrível porque você acaba espelhando a sua vida a uma foto muito bem editada na tela do celular.

FOMO 2

Não sei se vocês perceberam, mas de umas semanas pra cá muita gente tem falado sobre essa vida perfeita das redes sociais. É o feed que tem que combinar milimetricamente, são os vários filtros que a gente coloca nas fotos e os momentos que registramos para que eles, de fato, pareçam perfeitos.

E não me levam a mal, isso não é uma crítica às redes sociais. Amo e literalmente vivo disso, mas o perigo tá nessa linha tênue entre aproveitar a tecnologia e se diminuir por causa dela, não ter uma relação emocionalmente saudável com ela.

FOMO 3

Sempre que você se sentir por fora, pensar que não está vivendo tudo que a vida tem a oferecer por causa de uma publicação no Instagram, lembre-se que aquilo ali é apenas um pequeno recorte da vivência de outra pessoa.
Você acha que alguém vai querer publicar uma foto de si mesmo que considera feia? Ou almoço do dia anterior requentado e bem mexido no microondas? Ou a cara inchada de choro por causa de uma briga? Pode ser que a pessoa esteja tendo um dia horrível quando postou a foto x ou y. Ou, talvez, ela tenha tirado outras 100 fotos para conseguir o click perfeito que você viu.

FOMO 7

Ao contrário do que as redes sociais nos mostram, a vida de ninguém é perfeita. A sua também não é, claro, mas ao invés de pensar em tudo que está perdendo, preste atenção em tudo que você tem. Tenho certeza que é muita coisa e que se você parar de ignorá-las, vai viver tão bem quanto qualquer outra pessoa – postando no Instagram ou não.

20 Comentários  |  Deixar Comentários

Comentários:
  1. Inara Souza - Casinha Arrumada    27/12/2017 - 10h10

    Simplesmente maravilhosa a reflexão! <3

  2. CAROLINE DE GOIS SOUSA    27/12/2017 - 10h22

    Conversei ontem sobre isso com meu marido. Por mais textos assim! Adorei!!

  3. ZILANDRA BATISTA RODRIGUES    27/12/2017 - 10h28

    Muitos se frustam por olhar as redes sociais dos outros e achar que a vida deles sao perfeitas e a de quem acompanha não e, por isso eu vivo a minha vida, sou consumidora de redes sociais e blogs, mais ser separar o real do que nao e..
    Otimo texto
    beijos

  4. Patricia    27/12/2017 - 13h57

    Bacana Karla!
    Uma pena que tanta gente anda perdendo tempo demais em “parecer” ou invés de “ser”

  5. Lorena    27/12/2017 - 15h22

    Concordo com você! Na era da tecnologia as redes sociais estão em primeiríssimo lugar. Tenho a sensação de que somos reféns dessa nova modalidade de socializar que tudo que fazemos é um motivo de postagens, curtidas, cliques. As pessoas se sentem necessitadas a postar tudo da sua vida em redes sociais.

  6. Nelsely    27/12/2017 - 18h03

    Amei a matéria, tenho experimentado esses sentimentos com algumas pessoas q sigo como vc. Mas ler isso me deu certo alívio de saber q tem alguém aí do outro lado q realmente se importa com o bem estar mental dos seus seguidores. Vou meditar muito nesse post e compartilhar pra minha rede de amigos pq acredito sinceramente q vai ser muito bom pra eles tb. Bjo e obrigada

  7. Giovanna Braga    27/12/2017 - 21h53

    Ameeeeei!

  8. Karina Marques    27/12/2017 - 23h21

    Karla, chega aqui porque quero lhe dar um abraço de urso! Vivo falando isso para os meus amigos, a vida de ninguém é perfeita e a gente precisa parar com essa mania de ficar comparando nossas vidas com o que vemos em feeds alheios.
    Beijo enorme 💛

  9. Maria José Silva    28/12/2017 - 02h54

    A vida é um passeio maravilhoso e só temos que o aproveitar 😘

  10. Nívea    30/12/2017 - 21h18

    Eu não me conecto na vida dos outros e jamais tenho a sensação de que não estou curtindo a vida como deveria, porque vivo segundo as escolhas de uma mulher independente, autossuficiente , e que não depende de ninguém para viver…

  11. Bem por ai mesmo. Muito bom o texto, parabéns!!!!

  12. Mel    01/01/2018 - 17h06

    Nossa! Não sabia que o que estava sentindo tinha nome! Adorei o texto! E me senti uma pessoa melhor, normal, depois dele!

  13. Jamille Castiglioni    03/01/2018 - 15h53

    Ameiiiiiiiii!!!! Perfeito!

  14. Lucila Molinari    03/01/2018 - 22h06

    UAL…👏👏👏👊

  15. Juliana Matos    05/01/2018 - 12h14

    Que bom ler isso Lu… é exatamente essa a sensação a que estamos nos aprisionando a cada dia… Vale também a gente todos os dias nos questionar ao rolar o feed. Tenho feito isso, aquela pessoa que de alguma forma (ainda que superficial) não me agrega está sendo excluída. E confesso que a limpeza ainda é tímida… mas tenho notado que tenho me esquecido daqueles que foram excluídos há alguns dias. Sinal positivo né!? Vc e o Léo estão entre os meus favoritos viu, sem risco rs…

  16. Betania    07/01/2018 - 20h14

    Perfeito…todos deveriam ler esse post! Parabéns! ❤️

  17. Meio Julia    07/01/2018 - 23h41

    Eu abordei um assunto muito similar ao desse post lá no meu canal, e concordo muito com isso. Não conhecia o FOMO e, apesar de hoje estar muito mais “controlada” e desligada a esse medo, antes eu tinha muito e realmente me importava com isso. É bom demais acompanhar as coisas nas redes sociais, mas realmente parece que nós estamos deixando a nossa vida pra trás e cuidando só dos que aparecem na tela dos nossos computadores e celulares, né?
    Espero que a gente aprenda mais e mais a se desprender disso. É algo necessário pra nós.

  18. Gabriella Barros    09/01/2018 - 13h38

    Show, precisamos de mais reflexões assim a vida não é um conto de fadas é uma evolução diária, estamos aqui para aprender e muitas vezes ensinar tb. Amando o blog, antes seguia só o canal no Youtube.

  19. Gislane Mion    10/01/2018 - 09h01

    Que matéria maravilhosa!!!!

  20. Letícia Brito    12/01/2018 - 22h56

    Amei ❤

#TBT do dia mais doce dos últimos tempos! Quem também conseguiu ver de pertinho a Casa Doce da @flormeloficial? Meu espaço favorito era essa sala em que a gente podia provar todos os bombons - até os meus favoritos, de chocolate belga! Quem também ama? #FLORMEL 😋
Mais sobre Lifestyle