Carregando...
Lifestyle

Projeto Piloto: sobre a nossa relação com a maquiagem!

31.07.2019
Lu Ferreira

Maquiagem é uma coisa que faz parte da minha vida não só por estar presente constantemente no meu trabalho, como também por amar maquiagem desde sempre. No Projeto Piloto dessa semana, conversamos sobre a nossa relação com maquiagem e como esse mercado de beleza mudou ao longo dos anos.

Você gosta de estar sempre maquiada ou não faz tanta questão assim? Tem seus produtos favoritos e que não abre mão? Não deixe de me contar aqui nos comentários!

Projeto Piloto é o podcast apresentado por Lu Ferreira e Thais Farage, com novos episódios toda segunda feira, disponíveis em todas as plataformas de streaming.

2 Comentários  |  Deixar Comentários

Comentários:
  1. Clara    02/08/2019 - 17h15

    Olá, gurias. Gostaria de ouvir vocês falarem sobre a relação roupa e preço. Fico cismada com duas afirmações recorrentes. Uma é que pra se vestir bem não precisa ter (muito) dinheiro. Mas como num país em que uma blusinha numa fast fashion custa uns 60 reais e o salário mínimo é de 998 reais? Não me parece que a conta fecha. De qualquer forma fazemos escolhas dentro das opções possíveis para cada um. No entanto, se o jeito que uma pessoa se veste é uma forma de expressão, sinto que minha expressão acaba sendo um pouco imprecisa, embora não totalmente. A outra afirmação é que comprar uma roupa mais cara, feita com maior cuidado, com um bom tecido, vale mais a pena do que comprar três blusinhas da fast fashion que durará só duas estações. De modo geral concordo com isso, porém não significa que sempre será o caso. O problema é, de novo, o valor. Fico pensando se a blusinha de marca bacana que custa 500 reais vale tudo isso mesmo. Se o tecido é realmente bom, comprado por um preço justo; se as costureiras são devidamente pagas; se a durabilidade da peça será satisfatória. Sei também que tem muito preço alto porque simplesmente a marca não quer vender pra qualquer um, o que não tem problema. Azar o meu de querer isso. Enfim, acho que acaba se criando narrativas (já que estamos falando de moda) para justificar um tipo de consumo, qualquer tipo de consumo. Não duvido que a Thais Farage já tenha falado sobre no instagram dela. Fica aí uma sugestão. Beijos.

  2. Vânia    05/08/2019 - 16h37

    Eu gosto de usar maquiagem e as pessoas nem perceberem que estou com algo. Tenho horror a pensar que sou uma pessoa maquiada e outra com o rosto limpo, então a maquiagem para mim, é uma ferramenta para destacar minhas qualidades, e não me tornar uma pessoa diferente.

    http://www.ziperchique.com.br/2019/08/lip-tint-frozen-de-melancia-dailus.html

Look pra curtir a Villa Stella Artois hoje! AMEI ter a presença de vocês no meu workshop! Foi divertido ☺️ Obrigada @stellaartoisbrasil pelo convite 🖤 #lookdachata
Mais sobre Lifestyle