Links da Semana, Site Bacana

Links da semana: amor real

A gente tem mania de achar que amor bom é aquele de comercial de margarina, sem problemas, tudo perfeito, onde tem aquele casal que foi feliz para sempre. Bem, a grande verdade é que amor de verdade cede, amor de verdade tem que compreender que nem sempre a sua vontade é a que vai ser realizada. Eu costumava achar que amor bom era aquele perfeito, mas hoje sei que amor bom é amor real.
L1
Qual sua real origem?

L2
Como vc gasta seu dinheiro em uma semana?

L3
Como andar de bicicleta na cidade

L4
5 peças desejo do inverno 2016

L5
Menos perfeição, menos pressão

L6
Cinco comportamentos que pais devem adotar para acabar com o machismo

L7
A verdade sobre o amor

Look da Lu

Look da Lu: repetecos

Mesmo passados seis meses que Bia nasceu, ainda existem peças do meu guarda roupa que tenho medo de experimentar. O corpo mudou bastante, principalmente o quadril, que eu não tinha quase nada, e por isso me estranho nas minhas peças… Essa calça estava guardada desde que engravidei e ontem de manhã finalmente tomei coragem pra ver como ela cairia… E deu tudo certo! Hahah! Pra combinar com a calça de bolinhas escolhi uma malha azul clarinha com uma textura fofa – eu acho que a textura tem um quê de bolinhas também (de longe!) e por isso a coisa fica divertida, um combinado que não combina direitinho, sabe?
Coloquei uma camisa por baixo e amei o efeito dela na cintura, acho que nunca tinha usado assim! Pra combinar, scarpin nude – esse é meio que o sapato oficial dessa calça, kkk, eu quase sempre uso os dois juntos. Ficou assim:
azulinverno1
azulinverno3
azulinverno2
azulinverno4

Tô usando:

Calça Kate Spade
Camisa Fatima Scofield
Malha Topshop
Scarpin Luiza Barcelos
Batom Heroine (MAC)

Gravidez e maternidade, Viagem

Passaporte e visto americano para o bebê

Eu não tinha planos de mexer com coisas tão burocráticas tão cedo, mas uma viagem apareceu e acabamos tirando o passaporte da Bia antes mesmo dela completar seis meses. O processo todo foi bem mais simples do que eu esperava (sempre penso que esse tipo de tarefa vai ser um drama, morro de preguiça!) e vim contar o passo a passo pra quem estiver querendo tirar o passaporte e o visto americano do seu bebê.

p

imagem: Shutterstock

Para o passaporte:

O primeiro passo é entrar no site da Polícia Federal e na opção Requerer Passaporte preencher a solicitação. Um detalhe durante o preenchimento é que para menores você deverá dizer se a criança poderá viajar com apenas um dos pais e outras pessoas. Isso sairá impresso no passaporte e substitui as autorizações feitas em cartórios que existiam até pouco tempo. A gente marcou “autorizando o menor a viajar com apenas um dos genitores, indistintamente”, assim Bia pode viajar com qualquer um de nós dois, sem ser necessário os dois estarem presentes. Outra coisa é que a duração do passaporte para bebês é diferente: até 1 ano de idade ele é válido por um ano, de 1 a 2 por 2 anos, 2 a 3 por 3, 3 a 4 por 4 anos e acima de cinco ele já vale pelos cinco anos, como é o padrão. Ou seja: só vale tirar se você tiver uma viagem planejada, e com atenção para o prazo.

Depois de preencher tudo você vai agendar a entrega dos documentos e pagar a taxa. Aí é hora de separar todos os documentos necessários (sempre originais). Você vai precisar de:

-Certidão de nascimento;
-Identidade e CPF dos pais;
-Uma foto 5×7 com fundo branco, recente, colorida e sem data (adultos têm a foto feita na hora, crianças menores de 3 anos precisam levar);
-Protocolo e comprovante do pagamento da GRU;
-Caso um dos pais não esteja presente no dia, uma autorização do pai ausente para a emissão do passaporte com firma reconhecida.

No dia agendado a criança tem que estar presente, e no nosso caso a visita foi super rápida e eficiente. Conferiram todos os documentos e nos deram um comprovante, que foi o que usei para buscar o documento daí a uma semana. Para buscar a criança não precisa ir e não é necessária a presença dos dois pais.

Para o visto:

Bebês são isentos de entrevista no Consulado Americano, o que torna o processo todo bem mais simples. O primeiro passo é preencher o formulário DS-160 no site. Depois você paga a taxa e marca a sua visita ao CASV. Existe um aqui em BH e por isso o processo foi super simples! No dia marcado levei os documentos:

-Passaporte
-Recibo de pagamento da taxa
-Página de confirmação do formulário DS-160
-Foto 5×7 recente (usei a mesma do passaporte)
-E um detalhe importante: os nossos passaportes, constando os nossos vistos.

Bebês são isentos de entrevista e têm o visto pré-aprovado, mas ele pode ser negado. Quando os pais têm o visto há menos chance de isso acontecer, e no dia em que fui levar os documentos me pediram para deixar um xerox dos nossos vistos por lá. Quando você preenche o agendamento você escolhe se quer que o passaporte seja entregue no seu endereço ou buscar no CASV, e o prazo informado por eles é de 10 dias úteis.

Não demorei mais do que vinte minutos em cada lugar e agora Bia já está pronta pra seguir conosco nas próximas viagens =D